Dias mais quentes e mais secos de 2019

 

 

 No ano de 2019 a temperatura máxima na região de Petrolina e Juazeiro no dia 24/11 alcançou no campus da UNIVASF de Juazeiro 39.4 °C às 14:12 h, enquanto na estação meteorológica do INMET, em Petrolina, a temperatura máxima foi ainda mais elevada, chegando a 40.1 °C, entre às 14 e 15 horas.  Em relação à umidade relativa do ar, o dia mais seco do ano na região foi o dia 15 de Novembro, quando o seu valor mínimo foi de 10.7% na estação meteorológica do campus da UNIVASF de Juazeiro e na estação meteorológica do INMET de Petrolina foi ligeiramente maior, 12% entre às 16 e 17 horas.

Observação: é importante mencionar que segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) a umidade relativa do ar ideal para o bem estar humano acima de 60% é considerada ótima para a saúde; entre 30-60% é considerada razoável, porém, abaixo de 30% é prejudicial, podendo causar problemas de saúde, entre eles: desidratação, sangramento nasal, olhos ressecados, etc

 

  

 

Petrolina tem a menor temperatura do ano em 2015

Neste domingo dia 19 de Julho de 2015, entre 5 e 7 horas da manhã foi registrada na Estação Meteorológica Automática da UNIVASF em Petrolina, uma temperatura de 15,7 °C. Embora essa temperatura seja baixa e a menor registrada no mês de julho nos últimos três anos em Petrolina, temperaturas baixas no mês de julho, não é algo incomum em Petrolina: em 2012, no dia 24 a temperatura mínima atingiu 15,4°C; em 2011 no dia 19, 15,5°C; em 2008 no dia 26, 14,7°C; e em 2007 no dia 04, 15,0°C. De acordo com os registros, temperaturas menores ainda poderão ocorrer no mês de agosto. Em agosto de 2012 a temperatura mínima no dia 05 atingiu 14,7°C e no dia 18 de agosto de 2007, 14,6°C, a menor temperatura registrada em Petrolina nos últimos nove anos.

Início da primavera foi o dia mais quente e seco de 2015

A região de Petrolina, Juazeiro e vizinhança teve neste dia 22 de setembro de 2015, inicio da primavera para o hemisfério sul, o dia mais quente e seco do ano até o momento, a temperatura do ar alcançou 37,8º C e a umidade relativa do ar caiu para 13,4%. isso implica que em algumas ruas com asfalto novo (cor preta) e com vento bloqueado esse valor de temperatura deve ter ultrapassado 40ºC, com isso a sensação térmica deve ter chegado a 42ºC. Lembramos que segundo a Organização Mundial da Saúde OMS,quando a umidade relativa do ar é inferior a 30% pode trazer problemas para a saúde dos seres humanos. Alertamos que isso pode se repetir até o mês de outubro.

Condições climáticas registradas nos meses de maio e junho de 2014

Com base nas observações efetuadas na Estação Meteorológica Automática da UNIVASF Campus Juazeiro em Maio o Índice pluviométrico foi de apenas 0,3mm; a temperatura mínima foi de 18,8°C e ocorreu às 05h:57min do dia 28; a temperatura máxima alcançou 33,8°C no dia 10 às 15h:55min; e a umidade relativa do ar mínima registrada foi 19,9% no dia 27 às 15h:25min. No mês de Junho o Índice pluviométrico mensal também foi muito baixo 0,8mm; a temperatura mínima foi de 18,6°C no dia 12 às 04h:53min; a temperatura máxima foi de 34,0°C no dia 03 às 14h:23min; e a umidade relativa mínima do ar baixou para 24,8% no dia 24 às 16h:15min. Na Estação Meteorológica Automática da UNIVASF Campus Petrolina, foram registrados no mês de maio os seguintes valores: o Índice pluviométrico foi de 1,0mm; a temperatura mínima registrada foi 15,9°C no dia 27 às 04h:23min; já a temperatura máxima atingiu 33,2°C no dia 10 às 15h:23min e umidade relativa mínima do ar caiu para 21,3% no dia 27 às 15h:46min. no mês de Junho o Índice pluviométrico foi de 0,0mm; a temperatura mínima caiu a 16,7°C no dia 03 às 04h:41min e a temperatura máxima atingiu 32,9°C no dia 03 às 14h:45min e a umidade relativa mínima do ar foi de 26,4% no dia 03 às 13h:54min. OBSERVAÇÃO: as temperaturas mínimas registradas tanto em Juazeiro quanto em Petrolina representam os menores valores até o final deste mês de Junho de 2014. No entanto, temperaturas inferiores foram registradas na Estação Meteorológica da UNIVASF em Petrolina nas madrugadas do mês de Junho de 2008 nos dias 18 e 24, em ambos os casos foi de 14,7°C.

Índices pluviométricos das chuvas de julho de 2014

De acordo com observações meteorológicas houve ocorrências de chuviscos e chuvas entre a última sexta-feira (25/07/2014) e a madrugada desta segunda-feira(28/07/2014) nos seguintes locais da nossa região: Petrolina, no Campus de Ciências Agrárias da UNIVASF, onde as chuvas mais acentuadas (22,4mm); no bairro Gercino Coelho, na estação meteorológica do INMET (19,2mm); em Juazeiro no Campus UNIVASF antiga FACJU (12,0mm); e Campus da UNEB (16,2mm).


Estações do Ano 2020