BALANCO DAS CHUVAS OBSERVADAS EM PETROLINA E JUAZEIRO NO 1º TRIMESTRE DE 2016

Fazendo-se uma análise das chuvas registradas nos três primeiros meses de 2016, em Petrolina e Juazeiro,  em comparação com os dados de chuva dos últimos 104 anos, verifica-se que o índice de chuva do referido trimestre em Petrolina (431,1 mm), foi maior 186,1 mm do que o índice médio histórico para esse trimestre que é de 245,0 mm. Já  o índice de chuva do primeiro trimestre de 2016 em Juazeiro (433,2 mm), foi maior 164,8 mm do que o índice médio histórico para esse trimestre que é de 268,4 mm. Portanto, isso mostra que em média as chuvas caídas de janeiro a março de 2016, em Petrolina foram maiores 76% e em Juazeiro 61%. Esses dados também indicam que de certo modo na região como um todo, o mencionado trimestre foi bastante chuvoso, o que surpreendeu a muitos tendo em vista que os noticiários na mídia baseados em previsões climáticas do CPTEC e INMET, entre outros, indicavam que, por estar em curso um evento El Niño, o ano de 2016 seria seco ou muito seco, ou sejas, as chuvas seriam abaixo da média.


In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player
Joomla! Slideshow